Páginas

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

O QUE É SUBCULTURA


 


 


O termo subcultura apesar de rejeitado pela sociologia, que o considera pejorativo,é largamente usado para designar grupos alternativos. A antropologia adota o termo subcultura para designar grupos ou movimentos contraculturais,ou seja que adotam um comportamento contrario a moda vigente na sociedade atual,adotando costumes e ideologias subversivas ou alheias a cultura de massa.
   As subculturas tem um ponto em comum: procuram através de manifestações artisticas manifestar sua indignação diante dos preconceitos estabelecidos pela sociedade,que eles consideram hipócrita e alienada.É muito comum vermos nessas subculturas jovens com posicionamento critico  onde questionam e colocam em dúvida os dogmas e os valores preestabelecidos.
  Os membros das subculturas costumam rejeitar a mídia padrão e seus artistas "pré-fabricados", logo os artistas de música pop que invadem as estações de rádio e programas populares de TV através do famoso jabá.Tais artistas costumam ser chamados de lixos musicais e são amplamente renegados dentro dessas subculturas. Diferente da cena mainstream que tem grande aderência dos populares, tornando-se facilmente elemento da cultura de massa, as subculturas se restringem a cena Underground.Como o próprio nome já diz "subterrâneo",significa que a cena costuma ser restrita a uma minoria,elitizada, que partilha dos mesmos ideais.
  Dentre as subculturas mais "conhecidas" estão a subcultura punk,headbanger,indie,hipster,hippie,skinhead e a gótica.Apesar de serem baseadas em movimentos musicais,todas as subculturas aqui descritas possuem origem,ideologia,comportamento e elementos muito diferenciados,sendo que muitas subculturas chegam até a possuir ideologias contrárias a outras.O estudo sobre subculturas é um assunto vasto e complexo,pois dentro das subculturas existem sub-divisiões,como por exemplo dentro do punk. Apesar de ouvir Oi! e Hardcore,Skinheads e Punks tradicionais costumam não se entender.O encontro entre radicais de ambas as tribos costumam resultar em violência,sobretudo quando estão envolvidos grupos neo-nazistas. É curioso,pois tanto punks tradicionais quanto skinheads costumam ouvir a mesma música: PUNK.Porém o que os diferencia são as ideologias. Assim é também com os emos*. O emo tomou de "assalto" elementos do punk e do gótico,porém os emos costumam ser violentamente rejeitados por todas as outras subculturas,inclusive os punks e os góticos.
   Dentro da subcultura gótica existem diversas ramificações de acordo com o subgênero musical. O metal gótico é um tema polêmico entre a subcultura gótica e a subcultura headbanger,uma vez que o góticos da ala old school tendem a rejeitar o gênero musical surgido em meados dos anos 1990 por ter como base estilística o metal. As diferenças entre a cena metal e a cena gótica vão além de diferenças estéticas, elas se traduzem em diferenças comportamentais e ideológicas.
  Abaixo descriminamos os elementos básicos das subculturas contemporâneas:

*Subcultura Gótica: surgida em meados dos anos 1980 no rescaldo do fim do auge do movimento punk em Londres,o gótico é caracterizada pela predominância de estética sombria com elementos renascentistas,vitorianos e medievais aliada a moda vintage,old school e pin up que traduzem uma filosofia niilista e hedonismo,de desprezo as convenções sociais e a sociedade contemporânea,marcada pela futilidade e pela hipocrisia.Góticos são aficionados por literatura romântica,ocultismo e artes em geral. É muito comum vermos pessoas ligadas a movimentos artísticos e filosóficos nessa subcultura em maior medida do que nas pessoas que não são góticas. O gótico é uma subcultura que gira em torno da música gótica e suas ramificações. Diferente do movimento punk, o gótico é apolítico e não luta por nenhuma causa em particular. Góticos tem inclinações a temáticas e objetos bizarros,porém apenas para diversão pessoal. A ignorancia de boa parte da população fez as pessoas acreditarem que góticos são pessoas depressivas,suicidas,bissexuais e envolvidas com seitas e grupos neonazistas. isso não é verdade,opção religiosa e orientação sexual são escolhas pessoais,não existe nenhuma regra a ser seguida,muito pelo contrário,nessa subcultura não existem pessoas dispostas a seguirem dogmas.
Para ouvir: HIM, The Cult, The Cure, Joy Division,Zeraphine



* Subcultura Hippie: 
surgida em meados dos anos 1960, é caracterizada pela predominância de uma estética que representa uma ideologia libertária,independente e contrária a dogmas e preconceitos estabelecidos pela sociedade e contrários a moda vigente. O hippie é filosoficamente contrário ao consumismo,ao acumulo de riquezas, a ostentação capitalista.Tudo isso se traduz em roupas coloridas e alegres que representam a liberdade. Dai o slogan que marcou o movimento: "paz e amor". Logo o hippie optou por um estilo de vida simples muita das vezes adotando uma espiritualidade alternativa,assim como os ciganos ou adeptos do movimento new age.Hippies são contrários as instituições sociais como casamento e monogamia.

Para ouvir: The Doors, Jimmi Hendrix e Janis Joplin




*Subcultura Punk: 
Surgido em meados dos anos 1970, o movimento punk surgiu em Londres. O punk é um movimento político e anarquista.Isso corre porque o punk é um anarquista. O anarquista é contrário ao Estado e suas leis,suas regras e seus dogmas. A música punk é marcada por melodias agressivas,cujas letras são politizadas e impregnadas de forte cunho social com ritmos frenéticos. Os membros dessa subcultura costumam se envolver em movimentos sociais,protestos políticos e defesas de causas sociais. Sua estética costuma ser as vezes chocante,com uso de moicanos e undercut. O movimento punk ficou estereotipado pela violência de seus membros. Isso porém não é regra.


                                                            Subcultura Hipster:  
é uma subcultura baseada na produção independente. Hipsters costumam gostar de músicas,filmes,revistas e tudo que for relacionado a cena independente. Geralmente Hipsters costumam negar que são Hipsters.É uma subcultura urbana recente, surgida em meados dos anos 1990 e tem como base de indumentária a moda retrô e vintage.

Nenhum comentário:

Postar um comentário